Arquivos de sites

Juros a 2 anos da dívida grega superam os 110%

As “yields” pedidas pelos investidores para terem em carteira obrigações do país estão em forte alta.

Pela primeira vez desde a entrada no euro, as obrigações públicas gregas a 2 anos têm a “yield” neste patamar.

Em contrapartida, na maturidade a 10 anos, os juros da dívida soberana grega descem 36 pontos base, a fixarem-se nos 28,08%.

Recorde-se que o Banco Central Europeu (BCE) regressou a 5 de Agosto ao mercado secundário para comprar dívida soberana, depois de 18 semanas consecutivas sem intervir. Foi também a primeira vez que comprou dívida soberana de Itália e Espanha.

Anúncios

BCP fixa mínimo histórico abaixo dos 30 cêntimos

A bolsa portuguesa acentuou o movimento de queda, com destaque para a banca, que sofre as descidas mais intensas. O BCP cai perto de 6% e atingiu um novo mínimo histórico.

Juro grego bate novo recorde nos 26%

Grécia pode ter que reestruturar a sua divida.

Os investidores já estão a descontar um cenário de reestruturação da dívida grega.

Continua a pairar o fantasma da necessidade de reestruturar a dívida da Grécia. Perante essa incerteza, os juros das Obrigações do Tesouro (OT) helénicas estão hoje a subir em praticamente todas as maturidades, com destaque para a dívida a dois, cuja ‘yield’ superou hoje a fasquia dos 26% (26,264%), um novo máximo do pós-euro.

“Os rumores sobre a reestruturação ou recalendarização da dívida grega não vão desaparecer”, disse à Bloomberg Marc Ostwald, responsável pela carteira soberana da Monument Securities. “Enquanto ninguém conseguir assegurar que tal não vai acontecer, os mercados vão continuar a subir mais e mais o preço”, frisou.

5 clássicos do investimento

Os investidores não nascem ensinados. Há que aprender como funcionam os mercados, saber algumas regras fundamentais, “ter olho” para os negócios, boa intuição e capacidade de análise. E, claro, alguma dose de sorte e “estômago” para o risco. Por vezes, as coisas não correm bem logo de início, mas isso faz parte do percurso de qualquer investidor. “Se não cometer erros, não conseguirá tomar decisões”, diz o investidor Warren Buffet, dono da empresa de investimento Berkshire Hathaway. (JN)

%d bloggers like this: