Arquivos de sites

Cinco cotadas com potenciais superiores a 80%

A Sonae Indústria conta com um potencial de valorização de 159% para o Millennium bcp investimento, mantendo a liderança na lista. As cinco cotadas que constam na tabela contam com potenciais de valorização superiores a 80%, tendo em consideração o preço-alvo da casa de investimento e o valor de fecho das acções na última sexta-feira.

A lista das cinco empresas com maior potencial de valorização para o Millennium bcpi não sofreu alterações significativas esta semana, além do aumento dos potenciais de valorização. O que se justifica pelas quedas acentuadas das cotadas e não por actualizações de preços-alvo.

A Sonae Indústria [Cot] surge assim no primeiro lugar, com um potencial de valorização de 159%, tendo em consideração o preço-alvo da casa de investimento (12,40 euros) e o valor de fecho das acções na última sexta-feira (4,78 euros). Desde o início deste ano as acções desta empresa já desceram mais de 6%, depois de no ano passado terem caído mais de 11%.

A Novabase [Cot] surge na segunda posição com um potencial de valorização de 105% e a Portucel [Cot] com uma subida potencial de 88%. A Semapa [Cot] conta com um potencial de valorização de 86% e a Altri [Cot] de 82%.

Sara Antunes   (JN)

Anúncios

Novabase regressa à lista do BCP

A Novabase voltou a integrar a lista das empresas nacionais com maior potencial de valorização, realizada pelo Millennium bcp investimento. Com um “upside” de 32%, a tecnológica substitui a Cofina na quinta posição do “ranking” que continua a ser liderado pela Sonae Indústria.

O banco de investimento atribui um preço-alvo de 4,25 euros a cada acção da Novabase [Cot]. Valor que face à cotação do fecho de sexta-feira passada, de 3,60 euros, representa um potencial de valorização de 32%.

Pela segunda semana consecutiva, a liderança da lista do Millennium bcpi volta a ser ocupada pela Sonae Indústria [Cot] com um preço-alvo de 12,40 euros. A empresa tem assim um “upside” de 57%, calculado a partir da cotação de 16 de Dezembro (7,92 euros).

Segue-se a Portucel [Cot], cujas acções têm uma margem de progressão a longo prazo de 52% face a um “target” estimado em 3,65 euros. A Semapa [Cot] surge na terceira posição da lista, com um potencial de subida de 45% e logo depois está a Sonaecom [Cot]

%d bloggers like this: